Mercado Imobiliário 2023, uma pessoa entregando uma chave a outra
Guilherme Nogueira

O que esperar do mercado imobiliário em 2023? O último ano, apesar de ter sido marcado por desafios, terminou de forma positiva e diversas pesquisas comprovam esse fato.

 

Uma delas foi feita pela Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). Como foco nas vendas de imóveis novos, os dados levantados revelaram que essa categoria apresentou uma alta de 11,9% em relação a 2021.  

Mas para além dos números e indicadores, o que podemos esperar para 2023 em termos de tendências e lançamentos? Continue lendo este texto para saber mais sobre: 

Qual é o panorama do mercado imobiliário em 2023?

Além dos dados levantados pela Abrainc em parceria com a Fipe, podemos entender como chegamos ao mercado imobiliário de 2023 com os seguintes dados: 

  • Alta no preço de imóveis: Segundo a pesquisa do FipeZap, a média do aumento foi de 6,7%. As maiores taxas de crescimento foram constatadas em Vitória (ES) e Goiânia (GO);
  • Índice de Variação de Aluguéis (Ivar): a média brasileira apresentou alta de 8,25% e a capital mineira possui a maior alta, chegando aos 11,31%;
  • Índice Geral de Preços de Mercado (IGP-M): conhecido popularmente como a “inflação do aluguel” e medido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), encerrou o ano com alta de 5,45%; 
  • Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA): desde o início da pandemia de covid-19, diferentes imobiliárias passaram a utilizar o índice como indicador da inflação no Brasil. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o IPCA fechou o ano com 5,79%. Ultrapassando a média prevista, que era de até 5%.

O que esperar do mercado imobiliário em 2023? 

As pesquisas realizadas por diferentes instituições nos ajudam a entender como chegamos ao mercado imobiliário de 2023. A partir disso, o que podemos esperar em relação às tendências para este ano? Confira:

 Locação de imóveis em alta 

Mercado Imobiliário 2023, alunos em uma sala de aula

Embora a locação de imóveis não seja nenhuma novidade, ela tem se sobressaído em relação à compra, especialmente entre os millennials e geração Z, ou seja, aqueles que nasceram a partir de 1981. 

O desejo de um imóvel próprio tem se reduzido entre esse grupo, especialmente por conta de fatores como:

  • desejo de economizar em custos relacionados a manutenção; 
  • necessidade de maior flexibilidade de se mudar com facilidade;
  • maior agilidade em fechar contratos.

Desaceleração de valores

Segundo a FGV, depois de uma grande valorização registrada no último ano, os valores dos imóveis residenciais devem evoluir de forma mais lenta em 2023. 

Essa constatação está baseada nas taxas de juro do país, que devem manter os preços na linha da inflação.

Mais oportunidades para corretores de imóveis

Os compradores ou vendedores de imóveis nem sempre possuem tempo ou conhecimento técnico para realizar um processo como esse.

Por isso, o conhecimento técnico de um profissional da área é cada vez mais imprescindível. 

O ano de 2023 reforça a importância de corretores experientes e com um bom domínio de informações e ferramentas, para fechar bons negócios. 

Imóveis novos

Com os olhos das novas gerações estarem voltados para a locação, as vendas podem desacelerar.

No entanto, entre as vendas os imóveis novos chamam maior atenção, especialmente entre aqueles que encaram a compra de um imóvel próprio como um investimento único e querem um local com as melhores condições possíveis, que possa promover muitos anos de conforto e estabilidade.

 

Conheça os principais lançamentos imobiliários com a BH Brokers

A BH Brokers foi fundada em 2014 e se mantém atualizada nas novidades do mercado. 

Por isso, você tem a possibilidade de encontrar uma ampla variedade de lançamentos imobiliários, que vão atender perfeitamente ao seu perfil.

Conte com a nossa equipe de especialistas para te guiar nessa jornada. Confira os lançamentos disponíveis.

Mercado Imobiliário 2023, uma sala decorada. Ao lado, os dizeres "Conheça os lançamentos da BH Brokers, clique e confira"

Guilherme Nogueira

Guilherme Nogueira é diretor de marketing da BH Brokers desde sua fundação em setembro de 2014. É formado em Administração de Empresas pelo IBMEC. Corretor de imóveis desde 2010, é especializado no mercado de alto padrão. CRECI MG 34.554.